Ads Top

Após Copa SP, Paulinho não fica no Galo para o Estadual; Comercial e Novo já têm treinadores

Mauro Marino deve seguir no Novo para o Estadual, enquanto Valter Ferreira deve assumir o Comercial; treinador do Galo para a Série A virá do interior de SP e deve ser anunciado nesta quinzena

Paulinho (segundo da direita para a esquerda) ficará livre no mercado, junto os auxiliares Tiquinho e Rafael Lucas (da direita para esquerda).











Novoperário e Operário, respectivamente campeão e vice do Estadual Sub-19 de 2016, seguem se preparando para a disputa da Copa São Paulo de Futebol de base, que acontece no mês de janeiro de 2017 em várias cidades paulistas. Além disso, as equipes já começam a dar os primeiros passos para a disputa da Série A do Estadual.

Do lado do Galo, já foi confirmado que o treinador Paulinho Rezende não assumirá o comando da equipe no Estadual, assumindo outro treinador a posição. O nome do profissional, do interior de SP, deve ser anunciado em breve. Mesmo ainda não tendo assinado o contrato, ele já participou da aprovação de alguns atletas que vão compor o elenco.

Enquanto isso, o Novo manterá Mauro Marino nas duas competições. Marino, aliás, que seria um dos motivos da primeira cisão na nova diretoria do Comercial. Marcelo Ricardo, que atuou no Sub-19 como parceiro do Novo, chegou a participar das reuniões que definiram a atual diretoria comercialina, presidida por Walter Mangini.

Conforme apurado pela reportagem, nomes de preferência de Marcelo, como Gilmar Calonga e Mauro Marino, foram preteridos pela indicação de Valter Ferreira, multicampeão em MS e que já defendeu Cene e Naviraiense.

Com isso, Marcelo optou por sair do Comercial - que fechou com o ex-cenista Paulo Telles como diretor de futebol - e ficar como diretor do Novoperário (com Marino junto como treinador) também durante o Estadual. A equipe tricolor enfrentava algumas incertezas para 2017, mas se beneficiou com a mudança de rumos no colorado.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.