Ads Top

Ex-Ivinhema, lateral sul-mato-grossense pode defender a seleção da Ucrânia

O lateral esquerdo do Shakhtar Donetsk, Ismailly, natural de Angélica e que começou a carreira no Ivinhema, pode estar próximo de defender a seleção ucraniana, de acordo com a imprensa do país. Além dele, o meia-atacante Marlos, ex-São Paulo, e o centroavante Júnior Moraes, ex-Santos, também iniciaram conversas para defender a seleção do país ao leste europeu.

O jogador está no Shakhtar desde fevereiro de 2013 e em julho do último ano renovou seu contrato com a equipe por mais cinco anos. Como é exigência para obter os documentos de naturalização um tempo mínimo de cinco anos no país, o sul-mato-grossense só poderia defender a Ucrânia a partir de fevereiro de 2018.

Divulgação
Ao site Ivinotícias, o jogador admitiu a sondagem para a naturalização, porém ainda não tem uma decisão sobre o assunto. “Na verdade tive conversas informais com o auxiliar da seleção ucraniana a pedido do Shevchenko, no qual ele manifestou o interesse na minha naturalização para defender a seleção. Não é uma decisão fácil, há muitos fatores em jogo e tenho que conversar com minha família sobre esse assunto”, disse o lateral de 27 anos.

Pesa a favor da naturalização o fato de ter a possibilidade de disputar uma Copa do Mundo – o que dificilmente acontecerá pela Seleção Brasileira –, porém, o jogador pretende não pensar só dentro de campo, mas também as implicações fora dele, já que a Ucrânia é um país que vive situação política conturbada e diversos conflitos em suas fronteiras.

“É claro que desportivamente seria muito bom defender uma seleção nacional com possibilidades de disputar uma Copa do Mundo, mas tenho que analisar os fatores extra campo, entender bem como funciona a política de naturalização da Ucrânia, quais seriam os benefícios e malefícios de me tornar um cidadão Ucraniano, enfim são muitos fatores a analisar e de todo modo ainda falta um ano para eu dar entrada nesse processo, vamos ver o que acontece daqui pra frente”, concluiu o jogador.

Por Arquibancada MS

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.