Ads Top

Seis times estreiam hoje no Estadual 2017; veja números e retrospectos dos duelos

A primeira rodada do Campeonato Sul-mato-grossense tem sequência na noite desta quarta-feira (1º), com três partidas. Após o início do estadual na reabertura do estádio Morenão com o confronto entre Comercial e Novo, agora é a vez de Operário, União/ABC, Sete de Setembro, Naviraiense, Costa Rica e Serc debutarem nesta edição do estadual.

Divulgação
Atual campeão estadual, o Sete de Dourados recebe às 20h15, no estádio Douradão, o Naviraiense. No mesmo horário, no estádio Laertão, em Costa Rica, a equipe da casa mede forças diante da Serc e às 20h45, no estádio Morenão, é a vez do maior detentor de títulos estaduais, o Operário, fazer seu primeiro jogo diante do União/ABC.

Mas afinal, quem leva vantagem nos confrontos? Quem é freguês no histórico de partidas? Confira abaixo:

Sete x Naviraiense

Campeão na última edição do estadual, o Sete de Setembro tem uma pedra no sapato, também conhecida como Naviraiense. Mesmo sendo o vencedor em 2016, o tricolor douradense não conseguiu bater o Jacaré e carrega um tabu de cinco anos sem conseguir levar os três pontos diante da equipe do Cone Sul.

Ao longo dos últimos dez anos, os times se enfrentaram 18 vezes, com superioridade do Naviraiense, que venceu nove jogos, enquanto o Sete saiu vencedor apenas em quatro partidas. Outros cinco confrontos terminaram empatados.

No último encontro, no estádio Douradão, o Jacaré não respeitou o anfitrião e mesmo atuando fora de casa venceu o time que viria a ser campeão estadual por 2 a 1. O Naviraiense ainda possui a marca de ter a maior goleada do confronto, aplicada em 2010, por 4 a 0, também em Dourados.

Veja os números:
18 jogos
9 vitórias do Naviraiense
5 empates
4 vitórias do Sete
Último confronto: Sete 1x2 Naviraiense, pelo estadual 2016
Maior goleada: Sete 0x4 Naviraiense, pelo estadual 2010

Costa Rica x Serc

O clássico da região leste tem um menor número de jogos e também um equilíbrio maior, no entanto, a festa em Chapadão do Sul ocorreu por mais vezes. Em 10 jogos, a metade deles foram vencidos pela Serc, sendo a última no estadual 2016, por 2 a 1. O Costa Rica superou o rival em três oportunidades e outras duas partidas ficaram empatadas – no entanto, a igualdade não ocorre desde 2007.

Com predomínio dos mandantes, em apenas uma partida do confronto, o time que jogava fora de casa saiu com a vitória. Em 2010, atuando no estádio Laertão, a Serc conseguiu superar o rival vencendo por 2 a 0. Nas demais partidas, o time mandante nunca foi derrotado.

A favor do Costa Rica é o fato de contar com o placar mais elástico a seu favor. No primeiro jogo da edição passada do estadual, a Cobra do Norte aplicou um sonoro 4 a 0 na Serc no estádio Laertão, descontando o 3 a 0 que o rival havia aplicado um ano antes e estabelecendo uma nova marca no duelo.

Veja os números:
10 jogos
5 vitórias da Serc
2 empates
3 vitórias do Costa Rica
Último confronto: Serc 2x1 Costa Rica, pelo estadual 2016
Maior goleada: Costa Rica 4x0 Serc, pelo estadual 2016
Jogo com mais gols: Costa Rica 5x4 Serc, pelo estadual 2015

Operário x União/ABC

Sem se encontrarem desde o estadual de 2009, as equipes tem um longo histórico de confrontos na década passada. Em 14 duelos, o Operário venceu sete vezes, sendo superado pelo União em cinco partidas e com apenas dois jogos terminando empatados.

Apesar do equilíbrio nos números, o confronto é repleto de goleadas para os dois lados. A maior delas foi feita pelo Operário, em 2004, quando aplicou um 8 x 1 na equipe que estava sediada até então em Camapuã. Antes, em 2002, o União já havia batido o Galo por 4 a 1.

Na última vitória do alvinegro frente ao tricolor, nova goleada: 5 a 1, em confronto ocorrido em 2008, no entanto, no ano seguinte, na última vez que os times de encontraram, o União quem saiu com os três pontos, vencendo por 2 a 0.

Veja os números:
14 jogos
7 vitórias do Operário
2 empates
5 vitórias do União
Último confronto: União 2x0 Operário, pelo estadual 2009
Maior goleada: Operário 8x1 União, pelo estadual 2004


Por Arquibancada MS

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.