Ads Top

Com péssima atuação de Rodrigo Gral, Operário desperdiça chances e fica só no empate com o Luziânia

O Operário tinha tudo para começar a campanha na Copa Verde com uma bela vitória sobre o Luziânia/DF, no Morenão, porém, abusando de perder gols, o Galo viu a vantagem criada logo no segundo minuto de jogo se perder no segundo tempo e acabou estreando com um empate por 1 a 1 contra o time do Distrito Federal, na tarde deste domingo (5). O destaque negativo foi a péssima atuação do atacante Rodrigo Gral.

Avassalador, o alvinegro começou o jogo de forma intensa, fazendo os mais de quatro mil torcedores presentes comemorarem logo aos dois minutos de jogo, com o gol de Wilson, que recebeu belo lançamento de Igor Villela e colocou o time sul-mato-grossense em vantagem.

Anderson Ramos/Divulgação
Acuado com o gol sofrido, o Luziânia pouco ameaçou na primeira metade do jogo, tendo o Operário a maioria absoluta de oportunidades, porém não conseguia concretizar em gol. Na melhor delas, Wilson passou para o atacante Rodrigo Grahl, que, de frente pro gol, preferiu o drible e acabou desperdiçando excelente oportunidade de aumentar a vantagem.

Em resumo, além dos gols perdidos pelo alvinegro, o primeiro tempo foi marcado também pelo alto número de faltas, com a árbitra carioca, Rejane Silva, distribuindo sete cartões apenas nos 45 minutos iniciais.

Tentando manter o ritmo empregado no primeiro tempo, o técnico Celso Rodrigues, do Operário, optou por voltar ao segundo tempo sem alterações, no entanto o desempenho já não foi o mesmo. Saindo mais para o jogo, o time candango começou a se soltar e aos sete minutos quase conseguiu o empate em chute de Laécio, que passou raspando a trave do goleiro França.

Nas chances criadas, o Operário parava no goleiro Sid, que por duas vezes evitou o segundo tento alvinegro. Aos 19 minutos, Rodrigo Grahl cobrou falta e o arqueiro se esticou todo para mantar para escanteio. Na cobrança, o zagueiro Fabão subiu livre e novamente Sid estava lá para defender.

O castigo à equipe sul-mato-grossense veio já quando o jogo se encaminhava para o fim. Em bobeada da defesa, Robinho, que havia acabado de entrar, aparecer livre na área e teve o trabalho apenas de deslocar o goleiro França para deixar tudo igual aos 31 minutos. Sentindo o gol sofrido e diante de um Luziânia retraído após conseguir o empate, o Galo pouco conseguiu oferecer perigo nos minutos finais, aceitando a igualdade no placar.

Próximos jogos

As equipes voltam a se enfrentar para decidir quem segue à segunda fase da Copa Verde no próximo dia 17, no estádio Zequinha Roriz, em Luziânia. Como marcou um gol fora de casa, o time do Distrito Federal tem a vantagem de jogar pelo empate sem gols, deixando o Operário com a obrigação de vencer ou empatar por dois ou mais gols para avançar de fase e enfrentar Cuiabá ou Rondoniense, que empataram em 0 a 0 neste domingo.

Antes da partida de volta, porém, os times têm compromissos pelos respectivos campeonatos estaduais. O Operário joga na próxima quarta-feira (8), às 20h15, diante do União/ABC, pela primeira rodada do segundo turno e no domingo (12) enfrenta o Novo, ambos os jogos no estádio Morenão. Já o Luziânia terá três jogos pelo Campeonato Candango antes do jogo de volta, diante do Gama, Brasília e Santa Maria.

Por Arquibancada MS

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.