Ads Top

Derrota na hora certa

(Pedro Martins/Mowa Press)
A derrota da Seleção Brasileira para a Argentina, no outro lado do mundo, acontece no momento ideal para as duas equipes.

Para o Brasil, esfria a empolgação de nove vitórias consecutivas depois de Tite assumir o cargo de treinador. Importante destacar: das 9 vitórias, 8 foram pelas Eliminatórias da Copa da Rússia, em 2018, no qual o Brasil já está classificado.

Tite poupou grande parte do time considerado titular. Os próximos amistosos e a reta final das Eliminatórias servirão para testes. A derrota não abala.

Já para a Argentina, serve para resgatar a sua auto-estima. O principal rival brasileiro sofre nas Eliminatórias e corre sério risco de ficar de fora do Mundial. Jorge Sampaoli assumiu o cargo, tardiamente, no lugar de Edgardo Bauza.

Mas o primeiro desafio de Sampaoli será vencer o Uruguai fora de casa. Ainda terá pela frente Venezuela, Peru e Equador.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.