Ads Top

Com gol de falta de Cristiano Ronaldo, Real Madrid bate o Grêmio e conquista o Mundial de Clubes

Não deu para o Grêmio e o Real Madrid é bicampeão do Mundial de Clubes da Fifa. O clube venceu hoje (16) o Grêmio, de Porto Alegre, por 1 a 0, em Abu Dhabi (EAU). Vencedor do ano passado, o time madrilenho já conquistou seis vezes o mundial - contando também o Intercontinental.

Getty Images
O gol da partida foi marcado aos sete minutos do segundo tempo pelo atacante português Cristiano Ronaldo, eleito neste ano o melhor jogador do mundo pela quinta vez. Ele cobrou falta que passou no meio da barreira e foi no canto direito de Marcelo Grohe, que não conseguiu a defesa.

Em uma partida marcada pelo domínio do time espanhol, dirigido pelo técnico Zinedine Zidane, sobrou pouco espaço para a troca de passes do Grêmio. Durante todo o jogo, o Real Madrid finalizou 19 vezes. O Grêmio não conseguiu ameaçar o gol defendido por Keylor Navas.

Apesar da disposição do tricolor gaúcho, a única finalização aconteceu no segundo tempo, em cobrança de falta batida pelo lateral Edílson.

Neste ano, o Real Madrid também conquistou a Liga dos Campeões, o Campeonato Espanhol, além das duas Supercopas de que participou, a Europeia e a da Espanha.

Esta é a segunda vez que o time brasileiro é vice-campeão do Mundial. A primeira foi em 1995, quando foi derrotado pelo holandês Ajax, nos pênaltis. Em 1983, o Grêmio foi o vencedor do campeonato, ao ganhar do Hamburgo, da Alemanha, por 2 a 1.

Pachuca

O time mexicano Pachuca goleou o Al Jazira, também neste sábado, por 4 x 1, e terminou em terceiro no Mundial de Clubes da Fifa. O time foi eliminado nas semifinais pelo Grêmio.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.