Ads Top

Ex-presidente da FFMS intervém e Corumbaense fecha acordo de R$ 10 mil para usar o Arthur Marinho

Corumbaense e LEC (Liga de Esportes de Corumbá) finalmente chegaram a um acordo para o uso do estádio Arthur Marinho em 2018 - o clube disputa, além do Estadual, a Copa do Brasil, Série D e Copa Verde. O acerto, que parecia estar longe, foi fechado após intervenção do ex-presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul), Alfredo Zamlutti Júnior.

Foto: Anderson Gallo
Após uma rodada de negociações na quarta-feira (3), o presidente da LEC, Leôncio Ribeiro Raldes, e outros membros da Liga, fecharam o acordo com os dirigentes do Carijó. O espaço foi liberado mediante pagamento de R$ 10 mil por mês para a LEC, que também terá direito a exploração do bar do estádio durante os jogos da equipe este ano.

O Corumbaense é o clube com maior orçamento do Estado este ano. Ao todo, serão repassados R$ 840 mil pela prefeitura local, além de R$ 300 mil pela CBF (Confederação Brasileira de Futebol) como cota pela participação na Copa do Brasil - R$ 200 mil foram antecipados no ano passado.

"Decidimos em comum acordo pela parceria e trabalharemos juntos. O Corumbaense vai usar o estádio e a LEC será parceira. Entendemos que a proposta atende os dois lados e saímos satisfeitos. Desse jeito, o Corumbaense poderá jogar em Corumbá e o estádio estará de portas abertas", afirma Leôncio cartola em entrevista ao Diário Corumbaense.

Com o acerto, o cartola da Liga ainda revela que tirou um peso das costas. "É um peso que já estava em nossos ombros há muito tempo", frisa. A assinatura, agendada para esta quinta-feira (4), coincide com a estreia do clube na Copa São Paulo 2018.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.