Após 50 dias de 'preparação', somente três estádios podem receber jogos do Estadual 2019

Dia 19 de novembro de 2018, data em que os 12 clubes participantes da Série A do Campeonato Sul-mato-grossense de 2019 confirmaram a participação na competição. Hoje, 8 de janeiro de 2019, 11 dias antes da estreia, apenas o Laertão, em Costa Rica, o Ninho da Águia, em Rio Brilhante, e o Estádio das Moreninhas, em Campo Grande, estão liberados.

Lance do confronto entre Comercial e Novo,
em 2015, no Estádio das Moreninhas
(Foto: Arquivo/MS Esporte Clube/Nyelder Rodrigues)
Mesmo com 50 dias para buscar o aval do MP (Ministério Público) para realizar partidas em seus estádios, a maioria dos clubes conseguiu enviar apenas nesta semana os laudos para análise da promotoria. O prazo oficial de resposta do MP é de 30 dias, contudo, extraoficialmente dirigentes afirmam ter "acordos" com os promotores para conseguir tal liberação mais rápido.

Porém, caso o promotor responsável estenda a análise até o limite do prazo, diversas partidas deverão ser remarcadas. As situações mais preocupantes estão no interior do Estado. Em Dourados, sede de Sete e Operário Atlético, o estádio Douradão sequer tem laudos prontos.

Além disso, o estádio é de responsabilidade da prefeitura, ficando sob jurisdição da Funed (Fundação de Esportes de Dourados), que teve seu diretor-presidente, Jânio César da Silva Amaro, exonerado em dezembro e, até agora, ninguém oficializado em seu lugar.

Já em Mundo Novo, a situação é incerta, já que não há informações na mídia local sobre o estádio Toca do Urso. A reportagem tentou contato com a prefeitura local, já que o espaço é do município, mas não conseguiu até o fechamento do texto.

Em Corumbá, os laudos estavam sendo confeccionados para serem entregues ao MP essa semana. Enquanto isso em Aquidauana, o presidente do Aquidauanense, João Garcia, afirma em declaração ao site Campo Grande News que o estádio Noroeste estava liberado. Porém, a informação não se confirmou, já que os laudos foram entregues apenas nesta semana à promotoria local.

Morenão

Considerado não só por dirigentes de clubes da Capital, mas também por cartolas da Federação e da TV Morena, detentora dos direitos de transmissão do Estadual, como palco maior do futebol sul-mato-grossense, o estádio Morenão também segue fechado para a realização de jogos, mesmo passados 50 dias da realização do arbitral.

Entretanto, como o Estádio das Moreninhas está liberado pelo Ministério Público, ele evitaria possível adiamento de jogos em Campo Grande caso o Morenão siga fechado. Adequações foram realizadas no palco da final de 2018 e os laudos entregues para o MP na segunda-feira (7).

Vale ressaltar que o prazo legal para mudança de local de realização dos jogos vence 10 dias antes da data previamente marcada. Para a primeira rodada, estão agendados para o dia 19 os duelos Comercial x Serc, União x Costa Rica, Sete x Águia, e Aquidauanense x Operário de Dourados. Já para o dia 20, devem jogar Novo x Urso, e Operário x Corumbaense, com transmissão.

Relacionadas

Postar um comentário

Receba nossas novidades