Costa Rica bate o colorado por 2 a 0 na Capital; Carijó arranca empate no último lance

O Comercial vacilou no Morenão e perdeu por 2 a 0 para o Costa Rica, em duelo válido pela oitava rodada do Campeonato Sul-mato-grossense, na tarde deste sábado (23). Já no estádio Arthur Marinho, em Corumbá, o Carijó desperdiçou chances e ficou apenas com um empate em 1 a 1, arrancado nos últimos minutos e no sufoco, contra a Serc, durante à noite.

Firmino, autor do segundo gol, comemora com o camisa 8
Eberson o primeiro gol da vitória por 2 a 0 no Morenão
(Foto: MS Esporte Clube/Nyelder Rodrigues)
Em Campo Grande, bastou o primeiro tempo para a Cobra do Norte se impor em campo. Aos 14 minutos, Eberson aproveitou cobrança de escanteio de Thiaguinho para cabecear e abrir o placar. A situação ficou difícil, mas piorou apenas dois minutos depois.

David avançou bem pela direita e cruzou rasteiro da linha de fundo. O zagueiro Magno falhou e não conseguiu tirar a bola, que parou nos pés do atacante Firmino, que frente a frente com o goleiro Rodolfo, não desperdiçou e ampliou a vantagem do Costa Rica.

No intervalo da partida, o time foi muito criticado pela torcida na arquibancada, mas Rodolfo saiu em defesa do elenco, revelando para os torcedores que o salário do time está atrasado há quase dois meses. Muitos, logo em seguida, passaram a protestar contra o presidente colorado, Valter Mangini. Rodolfo também revelou a situação ao vivo às rádios.

Com o resultado, o Comercial empaca nos 13 pontos, mesma pontuação obtida agora pelo Costa Rica, que também só depende uma vitória na próxima rodada para se garantir na próxima fase. Na próxima rodada, o colorado enfrenta outro time em situação difícil, o Novo. A partida acontecerá no sábado de Carnaval, no estádio Morenão.

Corumbaense tenta muito, mas erra muito e fica só no empate

Em Corumbá, os donos da casa foram melhor, mas não conseguiram sair de campo com os três pontos. Os torcedores, como sempre, lotaram as arquibancadas e viram o Galo Pantaneiro desperdiçar várias chances de gol. Teve bola na trave, em alguns lances faltou capricho na finalização, e em outros o goleiro Renan fez excelentes defesas para a Serc.

O time de Chapadão do Sul abriu o placar aos 45 minutos do segundo tempo, com Billy, fazendo parecer que tudo tinha ido por água à baixo na noite deste sábado. Porém, no último lance do jogo e com direito ao goleiro se lançando ao ataque, aconteceu o improvável: o zagueiro Kléber Viana apareceu para mandar a bola para o fundo do gol e sacramentar o 1 a 1.

Com o empate, Corumbaense é vice-líder momentâneo do Estadual, com 14 pontos - ainda pode ser superado pelo Galo da Capital, que tem 13 pontos. O líder é o Águia Negra com 16 pontos e pode ampliar a vantagem em caso de empate ou vitória sobre o Novo.

Relacionadas

Postar um comentário

Receba nossas novidades