Ismac conquista o vice-campeonato da Supercopa do Brasil de futebol de 5 para cegos

O time de futebol de 5 do Ismac (Instituto Sul-Mato-Grossense para Cegos Florivaldo Vargas) jogou a final da Supercopa do Brasil neste domingo (31) e, apesar do bom desempenho dos atletas, a equipe ficou com o vice-campeonato e perdeu para o Agafuc, do Rio Grande do Sul, por 3 a 0.

Foto: Divulgação
Apesar do revés, o goleiro do Ismac, Eric Montenegro, foi eleito o melhor do campeonato. O primeiro gol foi marcado por Ricardinho, camisa dez, aos quinze minutos do primeiro tempo.

Já o segundo foi marcado pelo angolano Maurício Dumbo, no segundo período. O terceiro gol foi de Raimundo Nonato. Diferentemente do futebol de campo, o futebol de 5 é jogado por atletas com deficiências visuais, exceto o goleiro. O jogo é dividido em dois tempos de 20 minutos.

Outras diferenças em relação ao futebol sem adaptações são a ausência de saída lateral e os atletas utilizarem vendas nos olhos para evitar vantagem para o time que possua algum jogador que consiga perceber reflexos luminosos.  Os jogadores são orientados pelo som da bola e por um integrante da equipe técnica que fica atrás do gol adversário.

FONTE: Campo Grande News/Danielle Matos

Relacionadas

Postar um comentário

Receba nossas novidades