Ads Top

Copa Brasil de Paracanoagem rende cinco medalhas a MS e classificações ao Mundial

Mato Grosso do Sul conquistou cinco medalhas (quatro de ouro e uma de bronze) na primeira etapa do Campeonato Brasileiro Interclubes – Copa Brasil de Paracanoagem. A competição foi realizada na raia olímpica do Centro de Práticas Esportivas da Universidade de São Paulo (Cepeusp), em São Paulo-SP, no último sábado (14.03).

Divulgação
No total, três atletas, do Clube de Canoagem de Aquidauana (CCA), formaram a delegação estadual. Segundo a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), organizadora do evento, 81 paracanoístas representaram 18 associações, de todas as regiões do país, batendo o recorde de inscritos. Ao todo, a competição teve 37 provas.

Fernando Rufino de Paulo, natural de Eldorado-MS, mais conhecido como “Cowboy de Aço”, faturou a medalha de ouro nas duas provas em que participou. Nos 200 metros, classe KL2 (com caiaque, usando tronco e braços na remada), o sul-mato-grossense fechou a primeira eliminatória em primeiro lugar, com tempo de 48s21. Na prova final, Rufino permaneceu na ponta, ao finalizar a prova em 44s70, cinco segundos a mais que o segundo colocado. Depois, a dourada veio nos 200 metros, classe VL2 (em canoa), chegando à marca de 54s48.

O paracanoísta, que atualmente mora em Itaquiraí-MS, também já tem lugar assegurado nos Jogos Paralímpicos de Verão 2020, de Tóquio, no Japão, que acontecerá de 25 de agosto a 6 de setembro. A vaga foi confirmada após boa classificação no Campeonato Mundial de Canoagem Velocidade e Paracanoagem, em Szeged, na Hungria, em agosto de 2019. Na capital japonesa, o eldoradense disputará provas no caiaque e canoa (KL e VL).

O bonitense Roberto Giovani Pellin, na classe VL1, também subiu duas vezes no lugar mais alto do pódio da Copa Brasil. Na prova de 200 metros, o paracanoísta concluiu com 1min13s07. Já nos 500 metros, o atleta de Mato Grosso do Sul chegou a marca de 3min12s22. Com os resultados, Rufino e Pellin garantiram participação no Campeonato Mundial de Paracanoagem, previsto para ocorrer em Duisburg, na Alemanha, de 21 a 24 de maio.

Patrick Pisoni Loureiro ainda trouxe o bronze para Mato Grosso do Sul. O campo-grandense assegurou a terceira posição nos 200 metros, classe KL3, com o tempo de 48s82. O CCA, na disputa por equipes, terminou em 10º lugar, sendo uma das agremiações com o menor número de participantes. O desportista é um dos 170 contemplados pelo programa Bolsa Atleta, concedido pelo Governo do Estado, por intermédio da Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte).

A comissão técnica sul-mato-grossense na Copa Brasil foi composta por Rodrigo Barbosa de Miranda e Afonso Brandão.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.