Ads Top

Etapa de Campo Grande da Liga das Nações de Vôlei é adiada por causa do coronavírus

Anunciada como principal evento esportivo de 2020 em Campo Grande pela prefeitura e pelo Governo do Estado, a etapa brasileira da Liga das Nações de Vôlei, prevista para acontecer na capital sul-mato-grossense entre os dias 19 e 21 de junho, foi adiada pela FIVB (Federação Internacional de Voleibol) devido ao surto do novo coronavírus, o Covid-19.

Divulgação/FIVB
O evento reuniria as seleções masculinas do Brasil, Itália, Alemanha e Rússia e seria o última antes dos Jogos Olímpicos de Tóquio, que vai de 24 de julho a 8 de agosto deste ano. Além disso, a etapa campo-grandense marcaria a reinauguração do ginásio Guanandizão.

De acordo com nota da FIVB, as etapas deverão ser realizadas após as Olimpíadas, garantindo assim aos atletas que "possam se concentrar em cuidar de sua saúde e condicionamento físico", além de permitir que as ligas nacionais suspenderam seus os eventos concluam suas temporadas quando a situação, hoje classificada como pandêmica, melhorar.

"A FIVB está, é claro, olhando para o futuro com otimismo e está trabalhando em estreita colaboração com as Federações Nacionais e os organizadores de eventos relevantes para encontrar uma data apropriada para sediar a Liga das Nações de Vôlei após os Jogos Olímpicos", destaca.

Além de Campo Grande, Cuiabá (MT) e Brasília (DF) também sediaram etapas este ano. Cuiabá receberia o torneio feminino entre 19 e 21 de maio, com duelos envolvendo Brasil, Canadá, República Dominicana e Estados Unidos.

Já a capital federal receberia a competição tanto no masculino como no feminino. Primeiro, entre os dias 26 e 28 de maio, as mulheres de Brasil, Itália, Japão e Rússia entrariam em quadra, sendo sucedidas pelos homens, de 29 a 31 do mesmo mês, com duelos entre Brasil, Sérvia, França e Japão.

O adiamento faz parte de uma sequência de suspensões de eventos pelo mundo todo, inclusive no Brasil. Em Mato Grosso do Sul, a Corrida da Paz, marcada para o domingo (15), foi cancelada. Já a rodada do Estadual de futebol permanece sem alteração e com portões abertos à torcida.

Fundesporte diz que evento continuará na Capital

Na tarde de sábado (14), a Fundesporte (Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul) se manifestou sobre a situação. O diretor-presidente da entidade, Marcelo Miranda, frisou que o adiamento por parte da FIVB não altera o processo de disponibilização da verba para a realização do evento em outra data em Campo Grande.


"O recurso disponibilizado pelo Governo do Estado já se encontra em processo de convênio e em nada será afetado para a realização do torneio em Campo Grande. Estamos só aguardando a Federação Internacional remarcar a data", afirma Miranda.  Já a prefeitura segue sem se manifestar sobre o adiamento da Liga das Nações na cidade.

*texto atualizado com a manifestação da Fundesporte às 14h11

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.