Ads Top

Com gol de atleta de Campo Grande, Corinthians vence e está na final do Paulistão

Quatro jogos e três gols. Números dignos de um centro-avante daqueles que enfurecem qualquer defesa adversária e causam alegrias aos torcedores que contam com esse atleta. Porém, o dono de tal marca é um volante de apenas 21 anos, campo-grandense e autor do tento que rendeu a vitória corintiana sobre o Mirassol e a vaga na final do Paulistão 2020.

Ederson é destaque do Timão (Foto: Agência Corinthians)
O jovem Ederson é a mais nova sensação do Corinthians, que patinou no início do ano e chegou a flertar com o rebaixamento no Estadual. Porém, a paralisação do campeonato pr causa do novo coronavírus mudou o cenário do time, que bateu o Palmeiras por 1 a 0, alcançou a classificação para o mata-mata e, agora, chega a sua quarta final seguida na competição.

Nas quartas de final, foi dos pés dele que saiu o gol, um chute de fora da área, que abriu o marcador contra o Red Bull e deu maior tranquilidade para o Timão - que no fim venceu por 2 a 0. Hoje, na semi contra o Mirassol, ele também deixou o dele, também de fora da grande área, o único da partida - o gol saiu após a expulsão de Juninho, da equipe do interior paulista.

A primeira etapa foi de um jogo modorrento, sem grandes emoções e travado por um visitante que soube se armar para segurar o adversário em busca do tetracampeonato. As coisas mudaram aos 14 minutos do segundo tempo, quando veio a expulsão. Dali em diante, o Corinthians passou a encontrar espaços e atacar com mais desenvoltura.

Aos 26 minutos, Ederson recebeu de Fagner, carregou e ajeitou para chutar. Ele pegou em cheio na bola, que saiu rasteira. Muitos jogadores estavam na trajetória, mas nenhum deles desviou a bola, mas foi o suficiente para atrapalhar o goleiro Kewin, que saltou atrasado e não conseguiu impedir o gol do volante sul-mato-grossense.

O resultado garante a vaga na final para o Corinthians, que agora espera o resultado do duelo entre Palmeiras e Ponte Preta (outro time que esteve próximo do rebaixamento antes da parada por causa da pandemia). A partida começa às 18h e acontece no Allianz Parque.

O jogo

Apesar do Corinthians ter mais posse de bola, foi o Mirassol que criou a primeira chance de perigo, aos 13 minutos, com Juninho cobrando falta da entrada da área com categoria. A bola tinha como destino o ângulo, mas Cássio conseguiu se esticar todo para fazer uma bela defesa.

O mesmo Juninho bateu outra falta da entrada da área, aos 23 minutos, mas dessa vez pôs muita força na bola que saiu por cima do gol. A resposta do Corinthians veio aos 25. Carlos Augusto fez bela jogada pela esquerda e foi até a linha de fundo para cruzar rasteiro para Matheus Vital, que chegou chutando de primeira e mandou a bola na trave.

No lance seguinte, aos 28, o Corinthians criou mais uma boa chance. Éderson recebeu um passe dentro da área e cruzou rasteiro para Jô, que apesar de estar de frente para o gol não conseguiu aproveitar a chance criada.

Nos minutos finais, o duelo seguiu equilibrado, mas o primeiro tempo terminou mesmo empatado sem gols. Na volta do intervalo, o Corinthians passou a procurar o primeiro gol a todo custo. Logo aos três minutos, Carlos Augusto cruzou para Luan, que dominou no peito e chutou firme, mas parou em um corte preciso do lateral Moraes que conseguiu mandar a bola para escanteio. 

Já aos oito, o camisa 7 do time alvinegro teve mais uma chance em um chute rasteiro, mas desta vez parou no goleiro Kewin. Porém, os donos da casa ganharam ainda mais espaço e passaram a pressionar após a expulsão de Juninho, que deu um pisão no adversário aos 14 minutos. 

Com mais liberdade, o Corinthians fez uma verdadeira blitz na área do Mirassol. Depois de tanto tentar, Éderson abriu o placar para os donos da casa aos 26. Nos minutos finais, o Mirassol tentou se mandar para o ataque em busca do empate.

A melhor chance veio aos 34, quando Danilo Boza arriscou de fora da área, mas mandou a bola à esquerda do gol de Cássio. Do outro lado, o Corinthians ficou perto de ampliar com Luan e Janderson. O primeiro chutou uma bola na trave e o outro parou na defesa do goleiro.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.